PUBLICIDADE
Topo

Histórico

Categorias

Rocco Pitanga vive primeiro gay da carreira no filme Dois Barcos

Miguel Arcanjo Prado

01/11/2017 11h00

O ator Rocco Pitanga faz primeiro personagem homossexual no curta "Dois Barcos", de Rafael Peixoto – Foto: Divulgação

Por Miguel Arcanjo Prado

O ator Rocco Pitanga, filho de Antonio Pitanga e irmão de Camila Pitanga, viverá seu primeiro personagem homossexual na carreira.

Na pele de Felipe, ele irá se apaixonar por Rodrigo, um homem viúvo, seu colega de trabalho e pai de uma menina de 7 anos, vivido pelo ator Rainer Cadete, no curta-metragem "Dois Barcos".

O filme é o trabalho de estreia do cineasta Rafael Peixoto, que também assina o roteiro.

Completam o elenco as atrizes Paula Jubé ("O Rico e o Lázaro") e Fernanda Junqueira, que interpreta a menina Raquel, e que acaba de debutar na TV em "O Rico e o Lázaro".

O curta será rodado entre os dias 6 e 11 de novembro no Rio de Janeiro, no bairro da Gávea, com previsão de estreia em fevereiro de 2018.

Rocco Pitanga com a equipe de "Dois Barcos": filmagens começam no dia 6 – Foto: Divulgação

Na trama, uma menina de sete anos (Fernanda Junqueira) perde a mãe de maneira inesperada. Seu pai (Rainer Cadete) se vê sozinho para cria-la, porém, ao mesmo tempo, ele se apaixona por um homem (Rocco Pitanga) e uma mulher (Paula Jubé) e vê a situação fugir do controle.

Completam a equipe técnica do filme o diretor de Fotografia Pedro Paiva, a diretora de elenco Carla Chueke e o preparador de elenco Thiago Greco. Já a trilha sonora é assinada por Kelpo Gils.

Curta Miguel Arcanjo no Facebook
Siga Miguel Arcanjo no Instagram

Sobre o autor

Eleito três vezes um dos dez melhores jornalistas culturais do Brasil pelo Prêmio Comunique-se, Miguel Arcanjo Prado é jornalista, mestre em Artes pela UNESP, pós-graduado em Mídia, Informação e Cultura pela USP (Celacc-ECA) e bacharel em Comunicação Social pela UFMG. É crítico da APCA (Associação Paulista de Críticos de Artes), da qual foi vice-presidente. Mineiro de Belo Horizonte, vive em São Paulo desde 2007. Passou por TV Globo Minas, O Pasquim 21, TV UFMG, Rádio UFMG Educativa, Curso Abril de Jornalismo, Superinteressante, Contigo!, Folha de S.Paulo, Agora, Uma, R7, Record, Record News, Rede TV!, Claudia, Band, Gazeta e Rede Brasil. É jurado dos prêmios APCA, do Humor, Bibi Ferreira, Sesc Melhores Filmes e Risadaria. Ganhou os prêmios Nelson Rodrigues, Inspiração do Amanhã e Referência Nacional pela Ancec. Como dramaturgo, é autor da peça Entrevista com Phedra.

Sobre a coluna

Miguel Arcanjo mostra o que acontece e quem é destaque nos palcos, telas, salas e sociedade, com informações e entrevistas exclusivas, além de reflexões sobre o mundo da Cultura e do Entretenimento.

Blog do Arcanjo