PUBLICIDADE
Topo

Histórico

Categorias

Diego Montez será Wagner Montes, seu pai, no musical Silvio Santos Vem Aí

Miguel Arcanjo Prado

06/12/2019 07h37

Tal pai, tal filho: Diego Montez recria seu pai, Wagner Montes, no musical Silvio Santos Vem Aí, que estreia em março de 2020 – Foto: Ricardo Penna Divulgação – Blog do @miguel.arcanjo UOL

Wagner Montes será interpretado por seu filho, Diego Montez, no musical Silvio Santos Vem Aí. A superprodução da Paris Cultural estreia em março de 2020 em São Paulo.

Afinal, o jornalista, jurado e apresentador de rádio e televisão foi funcionário e amigo de Silvio Santos, com quem dividia o lendário "Show de Calouros", assim como Sonia Lima, mãe de Diego e também jurada do programa.

Atualmente, Diego, que tem farta experiência em musicais, está no ar na Globo, na novela Bom Sucesso. Em conversa exclusiva com o Blog do Miguel Arcanjo, o ator conta como se sente diante da tarefa de recriar o próprio pai, que morreu em janeiro último aos 64 anos, em cena.

"Até agora a ficha não caiu, pois durante grande parte da trajetória do meu pai com o Sílvio, eu ainda não tinha nascido. Desde que eu recebi o convite eu tenho estudado muito e revisitado muita coisa, então, é lógico que o elo é muito emocionante", ele explica.

"Não é como estudar qualquer coisa, é uma coisa muito específica. Você vai encontrando as similaridades com a pessoa e lógico, ele é seu pai. Mas é muito importante para mim revisitar essa história, ainda mais com uma equipe criativa que é muito família esse projeto", diz.

"A Marília [Toledo] que é autora e diretora, ao lado de Fernanda Chamma, era amiga do meu pai e da minha mãe, tão próxima a ponto de visitar e frequentar a nossa casa. A Fernanda Chamma é meu anjo da guarda, a mulher que me pegou pela mão várias vezes. Foi o encontro na hora certa, de revisitar esse lugar e essas raízes. Estou muito feliz", define.

Siga @miguel.arcanjo

Sobre o autor

Eleito três vezes um dos dez melhores jornalistas culturais do Brasil pelo Prêmio Comunique-se, Miguel Arcanjo Prado é jornalista, mestre em Artes pela UNESP, pós-graduado em Mídia, Informação e Cultura pela USP (Celacc-ECA) e bacharel em Comunicação Social pela UFMG. É crítico da APCA (Associação Paulista de Críticos de Artes), da qual foi vice-presidente. Mineiro de Belo Horizonte, vive em São Paulo desde 2007. Passou por TV Globo Minas, O Pasquim 21, TV UFMG, Rádio UFMG Educativa, Curso Abril de Jornalismo, Superinteressante, Contigo!, Folha de S.Paulo, Agora, Uma, R7, Record, Record News, Rede TV!, Claudia, Band, Gazeta e Rede Brasil. É jurado dos prêmios APCA, do Humor, Bibi Ferreira, Sesc Melhores Filmes e Risadaria. Ganhou os prêmios Nelson Rodrigues, Inspiração do Amanhã e Referência Nacional pela Ancec. Como dramaturgo, é autor da peça Entrevista com Phedra.

Sobre a coluna

Miguel Arcanjo mostra o que acontece e quem é destaque nos palcos, telas, salas e sociedade, com informações e entrevistas exclusivas, além de reflexões sobre o mundo da Cultura e do Entretenimento.

Blog do Arcanjo