PUBLICIDADE
Topo

Histórico

Categorias

Coletivo Abrupto quer aumentar presença negra nos espetáculos de São Paulo

Miguel Arcanjo Prado

14/12/2019 07h36

Coletivo Abrupto: A Nossa História, O Musical promete representatividade negra nos palcos em 2020 – Foto: Caio Gallucci – Divulgação – Blog do @miguel.arcanjo UOL

Lançado no Teatro Renault, o Coletivo Abrupto quer aumentar a presença negra nos espetáculos de São Paulo. Segundo os membros, o nome surge como uma ironia a uma constante invisibilização do pensamento negro sobre suas próprias narrativas e manifestações normalmente interpretadas como inesperadas, repentinas, abruptas. O Coletivo se propõe a fazer parceria não só com artistas negros, como também com artistas de todas as etnias, mas sempre com o intuito de trazer ao protagonismo do artista e do pensamento negro. A previsão é de vários projetos em 2020, entre eles um musical de Elton Towarsey e Vitor Rocha, os autores do ótimo Se Essa Lua Fosse Minha. O espetáculo se chama "A Nossa História, O Musical". Integram o Coletivo Abrupto os artistas Ágata Matos, César Melo, Fábio Ventura, Letícia Soares, Lílian Valeska, Lívia Graciano, Pedro Caetano e o produtor Lucas Silvério, além de três atores convidados: Agyei Augusto, Luci Salutes e Vitor Moresco. Todos estarão no elenco da produção. Aguardemos ansiosos.

Siga @miguel.arcanjo

Sobre o autor

Eleito três vezes um dos dez melhores jornalistas culturais do Brasil pelo Prêmio Comunique-se, Miguel Arcanjo Prado é jornalista, mestre em Artes pela UNESP, pós-graduado em Mídia, Informação e Cultura pela USP (Celacc-ECA) e bacharel em Comunicação Social pela UFMG. É crítico da APCA (Associação Paulista de Críticos de Artes), da qual foi vice-presidente. Mineiro de Belo Horizonte, vive em São Paulo desde 2007. Passou por TV Globo Minas, O Pasquim 21, TV UFMG, Rádio UFMG Educativa, Curso Abril de Jornalismo, Superinteressante, Contigo!, Folha de S.Paulo, Agora, Uma, R7, Record, Record News, Rede TV!, Claudia, Band, Gazeta e Rede Brasil. É jurado dos prêmios APCA, do Humor, Bibi Ferreira, Sesc Melhores Filmes e Risadaria. Ganhou os prêmios Nelson Rodrigues, Inspiração do Amanhã e Referência Nacional pela Ancec. Como dramaturgo, é autor da peça Entrevista com Phedra.

Sobre a coluna

Miguel Arcanjo mostra o que acontece e quem é destaque nos palcos, telas, salas e sociedade, com informações e entrevistas exclusivas, além de reflexões sobre o mundo da Cultura e do Entretenimento.

Blog do Arcanjo