PUBLICIDADE
Topo

Histórico

Categorias

Festival de Curitiba se mantém gigante com 450 atrações em tempos de crise

Miguel Arcanjo Prado

20/02/2020 08h55

Festival de Curitiba movimenta capital do Paraná entre 24 de março e 5 de abril com 450 atrações: evento mantém números gigantes em tempos de crise na cultura; na foto, público se movimenta no largo da Ordem, centro histórico da capital paranaense – Foto: Daniel Sorrentino/Clix/Divulgação Festival de Curitiba – Blog @miguel.arcanjo UOL

Maior evento das artes cênicas na América Latina, o Festival de Curitiba se mantém gigante mesmo em um tempo de crise no setor cultural. O evento realiza sua 29ª edição entre 24 de março e 5 de abril de 2020 com números que impressionam: serão cerca de 450 atrações espalhadas por mais de 70 espaços da capital do Paraná e sua região metropolitana. Desde sua criação, em 1992, o Festival de Curitiba soma público de 3 milhões de pessoas que viram mais de 5 mil espetáculos. Neste ano, abarca atrações nacionais e internacionais sob o lema "Festival para Todos", com diversidade de linguagens e de artistas. Como acontece nos últimos 12 anos, o jornalista e crítico de arte Miguel Arcanjo vai acompanhar de perto tudo que acontece no Festival de Curitiba neste blog.

Luís Miranda e Mateus Solano estão no Festival de Curitiba com "O Mistério de Irma Vap" aos palcos de São Paulo – Foto: Priscila Prade/Divulgação – Blog @miguel.arcanjo UOL

Nomes famosos

Entre as estrelas da programação da Mostra Oficial deste ano estão Denise Fraga, com seu monólogo "Eu de Você", o cantor Emicida, com seu show "AmarElo", e a dupla de atores Mateus Solano e Luis Miranda, com a comédia "O Mistério de Irma Vap". Outros nomes renomados na programação são os mineiros Grupo Galpão, que estreará peça inédita, e o Grupo Corpo, com a coreografia que homenageia Gilberto Gil. Ainda participam do evento artistas como Cacá Carvalho, Renata Carvalho, Lúcio Mauro Filho, Otávio Müller, Denise Stoklos, Laila Garin e a diversidade de corpos da Selvática Ações Artísticas.

Público aplaude o ator Ivam Cabral na peça Todos os Sonhos do Mundo no 28º Festival de Curitiba em 2019: mais de 3 milhões de pessoas viram 5 mil atrações na história do evento – Foto: Lina Sumizono/Divulgação Festival de Curitiba – Blog @miguel.arcanjo – UOL

Fringe internacional

O Fringe, a democrática mostra paralela e completamente livre de curadoria, continua fervilhante neste ano com mais de 370 peças, muitas delas gratuitas. São espetáculos vindos de 17 Estados brasileiros e de nove países, como Argentina, Chile, Colômbia, Cuba, Equador, Paraguai, Peru e Portugal. Serão em média 1.500 apresentações, sendo que mais de 390 são gratuitas e 340 no "Pague Quanto Puder". Além disso, o Fringe terá 19 mostras especiais, propostas por grupos artísticos de Curitiba e de várias partes do Brasil. "O Fringe é um grande centro de encontro das artes cênicas do país e apresenta as principais tendências da área", reitera sua coordenadora, Carol Scabora.

O curador e humorista Diogo Portugal se apresenta no Risorama no Festival de Curitiba: mostra é o grande sucesso de bilheteria do evento – Foto: Nilton Russo – Divulgação Festival de Curitiba – Blog @miguel.arcanjo UOL

Para todos os gostos

Para as crianças, o Guritiba promete espetáculos de qualidade para os pequeninos. Já as famílias podem se divertir em união na plateia do MishMash, com seus shows que unem variedades como circo, música, dança, mágica, performance e teatro. Para quem curte gargalhar de forma farta, a pedida é o Risorama, a mostra de stand-up que reúne as estrelas do gênero e é o maior sucesso de bilheteria do Festival de Curitiba e já tem confirmados astros do humor como Diogo Portugal, Fábio Rabin e Murilo Couto. Mas se engana quem pensa que o Festival de Curitiba não reserva espaço nobre ao paladar. O Gastronomix mais uma vez promete reunir os maiores chefs do país, provando que nossa variedade gastronômica é também cultura.

Diante da plateia lotada, Bárbara Paz beija o palco do Teatro Guaíra, um dos maiores e mais importantes do Brasil, durante a abertura do Festival de Curitiba em 2019: mesmo em tempo de crise, evento coleciona importantes patrocinadores em 2020 – Foto: Daniel Sorrentino – Divulgação Festival de Curitiba – Blog @miguel.arcanjo UOL

Patrocinadores culturais

Em tempos de crise no setor cultural, é preciso ressaltar os apoiadores e patrocinadores do evento. O Festival de Curitiba é patrocinado pelo Ebanx, Vivo, Uninter, Renault do Brasil, Electrolux, Banco RCI Brasil, Junto Seguros, Cielo, Copel – Pura Energia, Sanepar, Governo do Estado e GRASP. O Programa Guritiba é apresentado por New Holland, com patrocínio de Novozymes e Fibracem. Já o MishMash é apresentado pela Unimed Curitiba e Thales Group, com o apoio da Ritmo Logística. Quem apresenta o Risorama é a Potencial Petróleo, com o patrocínio de Previsul Seguradora, tendo como a cerveja oficial a Cacildis e o apoio de FH Consultoria e Grupo
Barigui. As bilheterias do Festival de Curitiba são uma parceria com o ParkShoppingBarigüi e o Shopping Mueller.

Festival de Curitiba
Quando: 24/3 a 5/4/2020
Quanto: Mostra 2020 – De R$ 0 a R$ 80,00 (entrada inteira)*
Fringe – De R$ 0 a R$ 60,00 (entrada inteira) + taxa administrativa
Risorama – R$ 70,00 (entrada inteira) + taxa administrativa
MishMash – R$ 40,00 (entrada inteira) + taxa administrativa
Guritiba – De R$ 0 a R$ 40,00 (entrada inteira) + taxa administrativa
*Os espetáculos dos espaços José Maria Santos e Mini Guaíra, são acrescidos de taxa de R$ 1.44.
Ingressos: www.festivaldecuritiba.com.br, pelo aplicativo "Festival de Curitiba 2020", e nas bilheterias físicas do ParkShoppingBarigui (Piso térreo próximo à praça de eventos), de segunda a sexta-feira, das 11h às 23h; sábado das 10h às 22h e domingos das 14h às 20h; e no Shopping Mueller (piso L3), de segunda-feira a sábado, das 10h às 22h; domingos e feriados, das 14h às 20h. *Verifique a classificação indicativa e orientações de cada espetáculo.

>>>Siga @miguel.arcanjo

Elenco do musical "O Frenético Dancin'Days" vibra com aplauso de pé de mais de 2.000 pessoas no Teatro Guaíra lotado no 28º Festival de Curitiba, em 2019 – Foto: Annelize Tozetto/Festival de Curitiba – Blog @miguel.arcanjo UOL

Ver essa foto no Instagram

 

Uma publicação compartilhada por O Festival para Todos (@festivaldecuritiba) em

Sobre o autor

Eleito três vezes um dos dez melhores jornalistas culturais do Brasil pelo Prêmio Comunique-se, Miguel Arcanjo Prado é jornalista, mestre em Artes pela UNESP, pós-graduado em Mídia, Informação e Cultura pela USP (Celacc-ECA) e bacharel em Comunicação Social pela UFMG. É crítico da APCA (Associação Paulista de Críticos de Artes), da qual foi vice-presidente. Mineiro de Belo Horizonte, vive em São Paulo desde 2007. Passou por TV Globo Minas, O Pasquim 21, TV UFMG, Rádio UFMG Educativa, Curso Abril de Jornalismo, Superinteressante, Contigo!, Folha de S.Paulo, Agora, Uma, R7, Record, Record News, Rede TV!, Claudia, Band, Gazeta e Rede Brasil. É jurado dos prêmios APCA, do Humor, Bibi Ferreira, Sesc Melhores Filmes e Risadaria. Ganhou os prêmios Nelson Rodrigues, Inspiração do Amanhã e Referência Nacional pela Ancec. Como dramaturgo, é autor da peça Entrevista com Phedra.

Sobre a coluna

Miguel Arcanjo mostra o que acontece e quem é destaque nos palcos, telas, salas e sociedade, com informações e entrevistas exclusivas, além de reflexões sobre o mundo da Cultura e do Entretenimento.

Blog do Arcanjo